XANGÔ

XANGÔ

Filhos…pedra de minhas pedras e frutos de minha rocha…estou falando de suas próprias raízes resultando em uma frutífera árvore.

Meus pulsos estão firmados fechando as mãos no meu peito porque honro minha própria essência…

Eu mesmo me clamo no próprio peito para honrar minhas raízes divinas…

Meu trono carrega a batida no meu peito e vocês sentem essa vibração através do pulsar de minha força justiceira que corre em minhas veias. A força vibra e eu executo.

Vocês são como árvores, seus braços e pulsos representam galhos e suas pernas raízes. Todos os membros juntos firmes e sólidos formam a sustentação de suas árvores.

Eu sou rei de propriedade dessa força alimentando com a seiva divina do poder do criador…

Mas peço que cada vez mais se apropriem de suas próprias árvores, regando, semeando, aparando…existem dois galhos especiais onde vocês carregam meus machados no decorrer de vossas vidas…Os machados têm que vibrar em equilíbrio…para que vossos galhos cruzem o peito formando a minha cruz iluminada junto aos vossos pulsos de sustentação.

O ato de eu cruzar as mãos perto do peito carrega uma expansão espiritual que deve ser praticada por vocês com muita responsabilidade e devoção para que em conjunto pés, mãos e cabeça mantenham todos em pé com dignidade e fé.

O equilíbrio e a justiça que tanto prego não nasceram só de mim…nasceram dentro de vossos ventres sagrados.

Ninguém tem o direito de sentenciar ninguém…pois o juiz implacável mora dentro da consciência de cada um de vocês. Sempre vocês estarão perto da verdade… executem suas próprias sentenças respeitando seu Ori e as leis maiorais.

Com força e firmeza eu trago o expurgo necessário bem do fundo de suas entranhas para que alcancem suas evoluções com dignidade e igualdade.

Sou rei, mas não se esqueçam, não mando no reino interno de nenhum de vocês, mantenham suas estruturas firmes e sólidas para que não desmoronem. Estou aqui para ajudar a todos a serem reis dignos de suas próprias almas.

 

Texto enviado por  Roberta Rodrigues Filha de Santo  do T.E.U.C.Pena Verde – 04/06/2020

Sem Comentários

Escreva um Comentário