Entrega para Oxalá – dezembro 2020

Banho e Oferenda para Oxalá no mês de Dezembro

 

Material:

 

Canjica

Leite/água

Tigela branca grande ou pequena

Mel

Algodão

Uvas brancas (verdes)

Flores brancas (para colocar por cima ou ao lado da tigela)

Vela branca pequena ou de sete dias

Água mineral ou de cachoeira

Quartinha ou copo branco

 

Preparação:

 

* Cozinhar a canjica na água, escorrer bem e reservar o milho para a entrega.

 

* Fazer um banho no mesmo dia da entrega, com o líquido que sobrou do cozimento, acrescentando um copo de água. Se precisar, coloque mais água ou leite o suficiente para o banho.

 

Entrega

 

* Na tigela coloque no fundo seu pedido/agradecimento (papel branco), mel, depois, nesta sequência, coloque o milho, depois o mel, o algodão e por último as uvas e flores.

 

* Vela branca pequena ou de sete dias

 

* Flores brancas

 

* Água mineral ou de cachoeira dentro da quartinha ou copo branco.

 

Esse banho de canjica realizamos sempre próximo ao Natal. É um banho na vibração de Oxalá. Pode ser feito no dia 24 de dezembro. E a firmeza você pode deixar em seu Congá familiar, junto de suas imagens, ou onde você faz suas orações. Deixe por 24 h e depois pode descartar os resíduos. As loucas, copos ou outro vasilhame podem ser lavados e utilizados novamente. Sempre tenha segurança ao manipular as velas para evitar acidentes.

 

Também pode oferendar na natureza, mas se assim o fizer fique presente ate a vela se extinguir, para evitar incêndios. Não se esqueça de depois descartar tudo o que foi usado para a oferenda. Não devemos sujar e poluir a natureza.

 

Esse banho de Canjica é um banho para abertura de caminhos, para trazer paz de espírito, tranquilidade, calma, harmonia em nosso campo vibratório. Reequilibra as energias e descarrega as negatividades, ajuda com a insônia e bloqueia problemas profissionais.

 

A canjica é uma comida de Oxalá e tem como significado trazer a serenidade a nossa vida, abrir os caminhos para garantir a paz e atrair o amor. Simboliza a pureza, a brancura, a claridade, traz a abundância e a manutenção dos alimentos em nossa vida, tanto materiais como para a alma.

 

O mel traz a união, a transformação, as mudanças e a purificação. Está associado ao sagrado e a cura. É atrator de energias positivas para potencializar o amor e a prosperidade.

 

O algodão tem com função ser uma “cobertura” uma espécie de vestimenta para a canjica. Funciona como o ala (pano branco) que cobre os médiuns quando estão incorporados na vibração de Oxalá. Ele serve como proteção para manutenção da pureza da entrega. E o algodão também simboliza o início da criação, nos remete as nuvens que promovem as transformações lentas, suaves trazendo a calma e a paz.

 

As uvas significam a prosperidade, a longevidade e a plenitude. Traz a pureza e a inocência e a certeza de que os problemas serão passageiros.

 

As pétalas brancas das rosas são manifestações de purificação, tranquilidade, pureza e paz.

 

Ao fazer a firmeza para Oxalá se concentre em suas qualidades, nas vibrações que Ele nos inspira, como a serenidade, a clareza nas decisões e direcionamentos a seguir, em desenvolver em seu íntimo, a calma, a pacificação diante dos desafios a serem enfrentados.

 

Vamos concentrar nossas atitudes em favor do bem, da paz, da harmonia.

 

Que o amado Pai Oxalá esteja sempre em nossos corações nos intuindo a sermos cada vez melhores.

 

Que essa Divina perfeição de energia nos guarde, nos inspire e nos abençoe sempre!

 

EpaBabá!