• Seja bem vindo !

    Este site foi criado com o objetivo de divulgar a Umbanda e seus ensinamentos, atingindo não apenas os que frequentam nosso Templo, mas todos que se interessarem pela religião. Aqui você encontrará textos sobre rituais e normas de nossa Casa, reflexões da nossa Mentora, preleções das Entidades Chefes, temas desenvolvidos por médiuns da Corrente e de Saúde e Medicina Espiritual. Leia Mais
  • Nosso Livro

    O livro "Mensageiros da Espiritualidade" traz relatos ditados pelas Entidades Chefes e pela Mentora Espiritual do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, em um manifesto aos seus filhos, frequentadores e à humanidade, sobre os preceitos e conduta que regem a Umbanda Sagrada nos dias atuais... Leia Mais
  • Conheça nossa página do FaceBook

    https://www.facebook.com/Templo-Espiritual-De-Umbanda-Caboclo-Pena-Verde-212423025776472/ Leia Mais

Bibliografia recomendada pelo TEUCPV

Ser Umbandista, como sempre dizemos, é aprendizado e a prática diária de seus ensinamentos. E para que o aprendizado seja otimizado, além de frequentar um Templo e absorver os exemplos e palavras das Entidades, disponibilizamos uma lista de  livros, sites e filmes que recomendamos para estudos e reflexão. 

O entendimento de cada palavra e a interpretação é sempre pessoal, levamos nossa vivência e conhecimento para entendermos o que lemos ou ouvimos, portanto o conteúdo pode ampliar nossas interpretações e até o aproveitamento de palavras sábias de um Guia de Luz.

Divirtam-se.

Leia mais:Bibliografia recomendada pelo TEUCPV

Os equilíbrio de Xangô

A energia de Xangô é muito importante para o mental e emocional da vida de vocês. Xangô é o Orixá que trabalha a justiça, e por que isso? Porque traz consigo duas características que sem elas não se consegue fazer justiça, que é o equilíbrio e a ponderação, e é por isso que Xangô consegue fazer justiça, por que Ele tem os dois lados: pondera e equilibra.

Leia mais:Os equilíbrio de Xangô

Curso para iniciação aos conceitos de Ogãs e corrente de Ogãs

Curso para iniciação aos conceitos de Ogãs, Corrente Ogã e na pratica de percussão através do toque do Atabaque e Canto, dentro das diretrizes do TEUCPV.

 Introdução

       Esse Curso tem a finalidade de dar noções e/ou aprimorar conhecimentos de preparo e iniciação em uma Corrente Ogã, e uso de instrumentos de percussão (Atabaque)  dentro do contexto maior da Corrente principal e dos trabalhos desenvolvidos pela mesma em um Templo de Umbanda. 

Dentro desse Curso iremos dar noções mais avançadas do que é uma Corrente Ogã, os conceitos do que é e, de como um Ogã deve exercer seu papel em Corrente e individualmente. O sentido e a importância do Ogã e seu Atabaque, a conduta, disciplina, hierarquia na Corrente Ogã e na Corrente principal e como são regidos espiritualmente.

Leia mais:Curso para iniciação aos conceitos de Ogãs e corrente de Ogãs

O significado da Firmeza de filhos de fé

O que deve ser uma Firmeza aos olhos de um Umbandista convicto, o que é uma Firmeza aos olhos do TEUCPV e aos olhos da espiritualidade.

 A Firmeza é um instrumento Espiritual e um dos momentos mais importantes e fortes, senão o mais, dentro de um Templo, dentro da Umbanda, dentro da Espiritualidade, para qualquer Médium, esteja ele em inicio de desenvolvimento ou mesmo os mais antigos. 

Todo Médium deveria se iniciar na Umbanda com uma Firmeza logo após a Coroação, obedecendo ao tempo necessário para cada uma das consagrações. A Coroação é a aceitação do Médium pelo Templo, é a iniciação e a integração dele a Corrente de trabalho, é seu compromisso com todo Comando Espiritual que rege os trabalhos em todas as Corrente que compõe a Corrente principal, é o vinculo com o Comando Espiritual de trabalho de Direita e Esquerda que ao mesmo tempo faz o acolhimento de suas Entidades no desempenho de suas funções sejam elas quais forem. 

Leia mais:O significado da Firmeza de filhos de fé

ENTIDADES DE SAPO BAIANO: QUEM SÃO?

Em nosso Templo cultuamos a Entidade de Sapo Baiano, entidade pouco entendida e conhecida. Devido à indefinição de seu grau de evolução espiritual, são energias que trabalham tanto na Esquerda quanto na Direita, pois ainda estão em processo de aprendizado e de pagando dívidas espirituais. São espíritos que já tiveram o poder de, como entidades, atender a pedidos de pessoas encarnadas através de médiuns e optaram por atender pedidos de pessoas com más intenções, para prejudicar outros ou para conseguirem algo material. Por muitas vezes, com outras denominações eram evocadas em trabalhos de bruxaria e até magia negra.

Leia mais:ENTIDADES DE SAPO BAIANO: QUEM SÃO?

Festa de Iemanjá na Praia

Esta se aproximando nossa Festa de Iemanjá na Praia que será no dia 26 de novembro, sábado, e todos estão convidados. Segue o local e roteiro de chegada.

ENDEREÇO: Av. Pres. Castelo Branco, 17676 - Vila Guilhermina, Praia Grande - SP, 11702-200

ROTEIRO:

1-) Seguir pela Rodovia Padre Manoel da Nóbrega sentindo Mongaguá até o km 298 , manter a esquerda na pista para retornar - placa do RETORNO - Jardim Real / Jardim Imperador .

2-)Virar na direita na primeira entrada próxima a passarela ( Rua Flórida ) . 3-) Seguir esta rua até a Avenida da Praia

 ( Avenida Presidente Castelo Branco) , vire a direita , siga por 10 travessas e chegará ao seu destino.

Quiosque 155/ 156 - Quiosque do Takeo

Estacionamento a frente no número 17.676

Cosme, Damião e Doum - Ibêji – Erês – Crianças

 

 

 

Ibêji são as divindades gêmeas, Orixás gêmeos ou Orixá duplo, são os Orixás africanos que protegem a todos, mas principalmente as crianças, gêmeos e os partos múltiplos. São conhecidos na Umbanda como os Orixás de amor e alegria.

Leia mais:Cosme, Damião e Doum - Ibêji – Erês – Crianças

Corrente Espiritual de trabalho de um Templo

Quarta feira é dia de Gira, é o dia que reservamos para celebrar a nossa fé, a religião que nós escolhemos, a Umbanda.

Leia mais:Corrente Espiritual de trabalho de um Templo

O significado de uma Mãe e Pai de Santo para a Espiritualidade e para a Umbanda e o que deve significar para seus Filhos de Santo e seguidores.

A Umbanda nasceu muito antes de seu anúncio neste mundo, ela veio do anseio de uma espiritualidade forte em sua luz, conhecedora das mazelas da humanidade, sua descrença e ignorância no conhecimento do espírito e da espiritualidade que domina todos os mundos, cada ponto do universo, que envolve e interage o tempo todo com todo o plano material, com o ser humano no estimulo do bem ou do mal. Reuniu de forma eclética, inteligente, respeitosa e bem articulada os aspectos espirituais mais relevantes das religiões e doutrinas, das quais absorveu o melhor conteúdo conciliador e doutrinário de referencia ao espírito, a se destacar o Candomblé, Catolicismo, Kardecismo e outras.

Leia mais:O significado de uma Mãe e Pai de Santo para a Espiritualidade e para a Umbanda e o que deve...

Postura de um umbandista

Quarta-feira é dia de Gira.

Não é bom fazer comparações, mas se observarmos outras religiões vamos perceber que existe por parte dos fieis uma preparação para ir à missa, ao culto, a reza e etc.

Leia mais:Postura de um umbandista

Desenvolvimento mediúnico – Entidades de trabalho de incorporação e Entidades de suporte aos trabalhos espirituais

É sempre bom lembrarmos que um Médium para se dizer em desenvolvimento deve estar com sua capacidade de discernimento e bom senso aguçada e em alerta para que ao início de um contato mais próximo com os espíritos de luz que já o acompanham e que foram designados ao trabalho em conjunto, seja qual for a faculdade mediúnica, possa estar à disposição, sentindo essa Entidade, disponibilizando-se totalmente a que ela comande seu corpo, entrando em sintonia com sua energia e assim a incorporação ou qualquer outra faculdade mediúnica, se processe de maneira natural, sem interferência de reações e emoções do próprio Médium.

Leia mais:Desenvolvimento mediúnico – Entidades de trabalho de incorporação e Entidades de suporte aos...

O significado de Deus – Zambi e de Jesus – Oxalá, para a Umbanda e para os umbandistas

Para a Umbanda e os umbandistas, Deus, para o qual se adota o nome de Zambi, dentre outras denominações criadas pelos povos africanos quando foram trazidos ao Brasil, representa a mais intensa e imensurável energia, e a maior fonte de luz existente, pois não existe nada que se iguale a Ele.

É aquele que arquitetou e concebeu tudo que existe no Universo de imaginável e inimaginável, ao alcance da visão e totalmente fora dela, dentro do que é compreensível e do totalmente incompreensível. É o maior poder, força suprema sem igual equivalência, núcleo do Universo, a partir do qual tudo foi criado, se expandindo sob seu pleno e total alcance e domínio em toda sua dimensão. É a concentração de todos os campos e fontes de energia. É Dele que flui todo fluido energético que mantém vivo e em movimento de mudança, transformação e evolução todo o Universo.  

Leia mais:O significado de Deus – Zambi e de Jesus – Oxalá, para a Umbanda e para os umbandistas

"A Quaresma" por Exu Tranca Rua das Almas

Mensagem de um Exu, mostrando todo o equivocado conceito de emissário do mal, tormento do espírito fragilizado.  Exu é luz e quando regado pelas atitudes, comportamento equilibrado e o interesse ao aprendizado do Médium, se torna também fonte de ensinamento através de canal limpo e maduro.

Carlos Feitosa

Leia mais:"A Quaresma" por Exu Tranca Rua das Almas

Mais uma abordagem sobre a mediunidade

Todos têm algum tipo de mediunidade, que é uma sensibilidade, um dom que acompanha nosso espírito quando encarnado que pode ter se manifestado em outras vidas e que pode se manifestar em algum momento na nossa vida atual, a partir de algum acontecimento ou desde tenra idade.

Ela vai se aprimorando com a prática e se torna mais intensa e deve ser bem dirigida, orientada e aceita com compromisso e seriedade. Deve se voltar ao bem da humanidade e estar a serviço da evolução e crescimento do espírito, pois foi assumida antes do encarne na matéria. O espírito já traz esta marca e de acordo com seu compromisso com a missão que trouxe, será voltada para a cura, orientação, incorporação, emanações, premunições, etc.

Leia mais:Mais uma abordagem sobre a mediunidade

Atitudes

Uma casa ou templo espiritual de Umbanda representa muito mais que apenas um lugar para realização de ritos como a Gira em dias de trabalhos ou um lugar para acendimento de velas ou mesmo para descarregar as influências negativas que acumulamos ao longo da semana ou recarregar as energias para continuar nossa missão.

Leia mais:Atitudes

Elementais, elementos e energia, seres espirituais da natureza.

Vemos nos mitos, lendas e estórias contadas no mundo todo, por povos antigos e mesmo atuais de algumas regiões do oriente, continente africano, países andinos e inclusive em nosso país, por habitantes de matas, florestas, serrados e chapadas, a atuação de energias, seres espirituais da natureza, que guardam e protegem a vida e os campos naturais existentes. Alguns povos, como os Celtas na antiguidade e como em algumas culturas orientais, africanas, indígenas e caboclas quase extintas, ainda nos dias de hoje, os reverenciam e fazem oferendas a eles como forma de agradecimento pela guarda e defesa da natureza e seus recursos.

Leia mais:Elementais, elementos e energia, seres espirituais da natureza.

Oferendas e Firmezas, práticas espirituais de um Templo de Umbanda.

 

Um dos objetivos da Umbanda é o equilíbrio entre o mundo material e o espiritual para que um possa contribuir com o outro de forma harmoniosa no objetivo de buscar os intentos da evolução do espírito. Contribui para alcançar este equilíbrio à participação em rituais que nos põem em contato com as forças e as energias da natureza onde se encontram as vibrações das Entidades e Orixás e seus domínios naturais, estabelecendo uma sintonia pura e uma relação sólida e estável entre eles e nós.

 

Leia mais:Oferendas e Firmezas, práticas espirituais de um Templo de Umbanda.

Defumação de um Templo de Umbanda de nossas casas e de nós mesmos

 

Vamos falar hoje sobre um elemento que é essencial nos trabalhos dentro de um Tempo de Umbanda, a defumação uma prática também de outras religiões ainda hoje.

Defumar significa “queimar sobre brasas partes de plantas, como folhas, raízes, e caules, ervas e resinas” para limpeza dos ambientes. Já era usado desde nossos antepassados, com a descoberta do fogo, como instrumento de controle das más energias e purificação do ambiente. Muitas religiões antigas queimavam incensos e óleos para manipular favoravelmente o ambiente, tanto em rituais religiosos como para melhorar a qualidade do sono, para acalmar os sentidos e também para tornar o ambiente mais leve e propicio ao ato do amor. 

Leia mais:Defumação de um Templo de Umbanda de nossas casas e de nós mesmos

Oxóssi, Orixá do conhecimento e da perseverança

O Orixá Oxóssi é a divindade que rege o conhecimento, o domínio do saber baseado na vivência e na experiência comprovada. Aquele que busca e traz a doutrina e a disciplina através da fé. Desenvolve em nós humanos a força do raciocínio na busca pelo conhecimento, no estar atentos às lições e ensinamentos que nos são impostos a todo momento, principalmente aqueles que nos passam desapercebidos e que se fossem bem assimilados ao longo de nossa existência fariam a grande diferença em nossa formação espiritual. Na perseverante apreensão, no ato de compreender e estabelecer novos horizontes, provocando um movimento contínuo na nossa evolução.

Leia mais:Oxóssi, Orixá do conhecimento e da perseverança

Prática da Caridade

Quero iniciar o ano e nossas preleções, falando um pouco sobre um dos principais valores que expressam tão bem um dos maiores objetivos da Umbanda, a caridade. Para a Umbanda a caridade não é somente um dos maiores objetivos é também uma prática natural e espontânea que se tenta incutir em cada espírito com insistentes ensinamentos e pregações das Entidades deste Templo. 

Leia mais:Prática da Caridade

Orixá Iemanjá, Rainha do Mar

Iemanjá é a rainha do mar, de todos os mares. Não existe neste mundo uma única porção de terra que não esteja envolto pelas águas salgadas, domínio de Iemanjá das profundezas a superfície. Suas águas abrigam um mundo fértil, e sustentam vidas muitas ainda desconhecidas, em seu interior e prove o alimento dos povos desde o surgimento dos mares neste planeta.

Leia mais:Orixá Iemanjá, Rainha do Mar

Iansã, Orixá das Chuvas, dos Ventos e dos Raios

Orixá feminino, senhora dos ventos, das tempestades, das tormentas e sua ação sobre a terra e o mar, regente dos efeitos atmosféricos e climáticos. Com a força dos ventos faz tudo balançar, sacudir em todos os sentidos e direções, provoca o movimento, a transformação, a renovação do que é natureza e do que é obra do homem. Sua essência é o movimento e o fogo, é o Orixá do raio, da eletricidade. É a energia viva, pulsante, vibrante.

Leia mais:Iansã, Orixá das Chuvas, dos Ventos e dos Raios

Orixá Oxum, regente dos sentimentos e da sensibilidade

A História e os historiadores, dizem da Oxum originaria da África, mais precisamente da Nigéria, mora no rio do mesmo nome. Seu domínio é a água doce, sem a qual a vida na terra seria impossível.  Seu ponto e emanação de força na natureza são as cachoeiras, os rios, as vertentes e nascentes. Ela é regente da linha do Amor, da sensibilidade, da emoção. Atua na Concepção da Vida em todos os sentidos, Senhora da fertilidade, da gestação e do parto, cuida dos recém-nascidos, do brotar, do florir, da natureza jovem e emergente e também favorece a riqueza espiritual e material.

Leia mais:Orixá Oxum, regente dos sentimentos e da sensibilidade

Energias vampirescas

Caros irmãos umbandistas. Este tema é de grande importância para entendermos, identificarmos e nos resguardar de pessoas que emanam energias negativas e tentam sugar nossas energias ou fluidos vitais que podem estar em qualquer lugar, inclusive no nosso meio, dentro de nossas próprias famílias ou de nossa casa, dentro de nós mesmos, agindo de forma consciente ou inconsciente, com ou sem a intenção de prejudicar a quem quer que seja. Porém muito mais e muito, além disso, evitarmos, sermos nós mesmos os sugadores. 

Leia mais:Energias vampirescas

Cosme, Damião e Doum - Ibêji – Erês – Crianças.

Ibêji são as divindades gêmeas, Orixás gêmeos ou Orixá duplo, são os Orixás africanos que protegem a todos, mas principalmente as crianças, gêmeos e os partos multiplos. São conhecidos na Umbanda como os Orixás de amor e alegria.

Ibêji é formado a partir do princípio básico da dualidade. Entre as divindades africanas, Ibêji é o que indica a contradição, os opostos que caminham juntos. Ibêji mostra que todas as coisas, em todas as circunstâncias, têm dois lados, e que a justiça só pode ser feita se as duas medidas forem pesadas, se os dois lados forem ouvidos sob os mesmos critérios. É a divindade da brincadeira, da alegria, sua regência está ligada à infância, a alegria, a inocência e a ingenuidade.

Foram sincretizados com os Santos católicos, São Cosme e São Damião por serem estes gêmeos e atuarem principalmente em pró da saúde e bem estar das crianças através dos cuidados médicos e, não pelo fato de serem crianças, pois mesmo quando adultos, mantiveram sua pureza, alegria e ingenuidade, totalmente desapegados da matéria favorecendo os mais necessitados.

Leia mais:Cosme, Damião e Doum - Ibêji – Erês – Crianças.

Atenção e cuidados que se deve ter quando da manifestação da Mediunidade, 06/11/2011

Todos os espíritos encarnados neste plano vêm acompanhados de alguma sensibilidade, de algum tipo de mediunidade, que se manifesta ao início de sua vida ou a partir de um determinado momento dela e, dependendo do estímulo que receber, torna-se mais intensa.

Leia mais:Atenção e cuidados que se deve ter quando da manifestação da Mediunidade, 06/11/2011

Mediunidade: Descubra a Sua, por Ricardo Moreno, 06/11/2011

DESENVOLVER A MEDIUNIDADE É DESENVOLVER A SENSIBILIDADE.

Assim começo a explicar o porquê dessa exposição.

Muito se diz a respeito de desenvolvimento de entidades. Muito se ouve, desde quando se inicia a frequentar um Templo de Umbanda, a respeito de incorporação. Logo alguém pergunta se já incorporou, se já sentiu alguma “vibração” ou alguma “energia”.

 

Leia mais:Mediunidade: Descubra a Sua, por Ricardo Moreno, 06/11/2011

Esquerda tão atuante em pró do bem, mas tão injustiçada pelos que não a conhece de fato

Sabemos que nossa religião ainda sofre muito preconceito determinado pela ignorância, pela falta de entendimento, pela falta de conhecimento de sua doutrina e seus rituais, principalmente a linha de Esquerda, onde atuam os Exus e as Pombas Giras que é a mais atingida, a mais discriminada por muitos, até por má fé. No entanto é a linha mais atuante, pois conhece todos os labirintos do mal, sua origem, e o quanto podem atingir e prejudicar. E por conhecer bem o inimigo e até por ter feito parte deste lado, sabe melhor que qualquer outra linha como combatê-lo, como anulá-lo, e muito mais que isso, em muitos casos até doutriná-lo, trazendo e juntando-o a suas fileiras convencidos de que podem contribuir e livrar-se da escuridão que os abriga em sofrimento e provação.

Leia mais:Esquerda tão atuante em pró do bem, mas tão injustiçada pelos que não a conhece de fato

Obaluaê/Omulu

 

Omulu e Obaluaê são forças divinas que se confundem, pois apresentam características semelhantes. Diz-se que a forma jovem deste Orixá é Obaluaê, que quer dizer “rei, senhor da terra”, senhor das doenças, da cura dos males físicos, mentais e espirituais, do equilíbrio entre espírito e matéria, da iniciação do espírito na matéria até seu desligamento. A ele é atribuído o controle e a defesa contra as doenças, principalmente sobre as doenças epidêmicas.

Leia mais:Obaluaê/Omulu

Como tratar o corpo físico após sua morte?

 

A Umbanda é uma religião que cultua os Orixás e através dos Médiuns estabelece a comunicação com o mundo espiritual pela manifestação de espíritos de luz que transmitem seus ensinamentos, experiências e ajudam os praticantes a desenvolver seu espírito, através da prática consciente da caridade, da fraternidade e do amor forte e sincero pelos seus semelhantes, pois este é o caminho para a evolução do espírito nessa vida terrena, que o propósito que nos traz a este plano.

Leia mais:Como tratar o corpo físico após sua morte?

Marinheiros

A linha de trabalho dos Marinheiros é a linha água, atua nos domínios de Iemanjá, vasto e imenso na sua visão e sensação de força e poder que domina, absorve e limpa.

Leia mais:Marinheiros

Assentamentos

O termo assentamento na forma que queremos abordar é o ato ou efeito de assentar, distribuir e colocar em seus devidos lugares, pontos de segurança e firmeza, os elementos preparados pelas Entidades de Comando e/ou Chefia de um Templo de Umbanda ou sob sua orientação, que darão equilíbrio e reforço espiritual a uma edificação, seja ela em suas bases, alicerces de construção, ou nos locais de trabalhos específicos, delimitando uma área de atuação de acordo com a atividade que nela será desenvolvida.

Leia mais:Assentamentos

Nanã Buruquê

Nanã Orixá feminino, a mais velha e madura das Iabas, age sempre, prudente e racionalmente, bem como atua sobre o equilíbrio racional do espírito, o que equilibra a mente e a vida. Denominada, Senhora do lodo, dos pântanos, das águas profundas, das águas lodosas da junção entre o rio e o mar, da fusão dos grandes rios, fonte de vida, e também Senhora da transformação, da mudança, transposição através do nascimento e morte da matéria, formando com Omulú (o Senhor das passagens) a combinação espiritual que governa o nascer, com a ação do espírito na matéria e do morrer, com o desligamento do espírito, agindo sobre todos os efeitos e transformações que estes dois momentos requerem.

Leia mais:Nanã Buruquê

O Orixá Xangô (18/06/2012)

Orixá da Justiça, seu campo de atuação é a razão, despertando nos seres humanos o senso de equilíbrio, retidão, imparcialidade. Tudo que se refere a estudos, a justiça, demandas judiciais, ao direito, contratos, pertencem a Xangô.

Leia mais:O Orixá Xangô (18/06/2012)

Ritual do AMACI e ABO (29/05/2012)

No Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, realizamos esse ritual todo ano com a finalidade de firmeza, reforço e equilíbrio físico e mental. Ressaltamos que este ritual deve ser realizado somente dentro do Templo sob a orientação de nossa Mãe de Santo, pois é quando ocorre a fluidificação e energização das Entidades e Orixás que atuam no Templo e estreitam a relação deles com o médium e a mãe de Santo, ajudando a firmar o médium na corrente.

Leia mais:Ritual do AMACI e ABO (29/05/2012)

Privacidade - Redes Sociais – Religião, Fé e o nosso Templo (15/05/2012)

Sabemos que o uso de Redes Sociais tornou-se um recurso que amplia os relacionamentos e é muito comum pessoas de diversas idades, religiões e faixas sociais, fazerem uso deste meio de comunicação hoje em dia.

Leia mais:Privacidade - Redes Sociais – Religião, Fé e o nosso Templo (15/05/2012)

Ogum Pai amado! (23/04/2012)

Seu dia é 23 de Abril e seu campo de atuação é a ordenação dos processos e procedimentos.

Leia mais:Ogum Pai amado! (23/04/2012)

Baianos (14/03/2012)

Os Baianos são Entidades trabalhadoras incansáveis e devotadas, de uma alegria contagiante.

Leia mais:Baianos (14/03/2012)